Templates by BIGtheme NET

Policiais civis do Departamento de Crimes contra o Patrimônio (Depatri), em ação conjunta com o Grupo de Operações Especiais (GOE), prenderam nesta quarta-feira (13), Luís Eduardo Santos Ribeiro, conhecido como “Chapão”, suspeito pelo crime de latrocínio que vitimou o policial militar Fabiano Fortuna e Silva de 40 anos. O delito ocorreu em setembro de 2017 no estacionamento de um shopping, na cidade de Salvador (BA).

 

O subtenente da Polícia Militar da Bahia, assassinado, trabalhava como segurança de um shopping da capital baiana, quando reagiu ao assalto. Ele chegou a ser levado ao Hospital Roberto Santos, mas não resistiu.

Após o crime, Luís Eduardo fugiu para o Estado de Sergipe e estava morando em Aracaju desde então e passou a usar documentos falsos. Ele residia no bairro Ponto Novo, onde foi preso pelos agentes civis sergipanos.

Diante dos fatos, o suspeito será transferido para Salvador nos próximos dias para serem adotadas as providências judiciais cabíveis.

Da Redação:


Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*