Templates by BIGtheme NET

Medida envolve todas as delegacias do Estado e visa efetuar prisão de acusados no prazo de 24 horas

A Polícia Civil (PC) conta a partir de agora com força-tarefa para o combate a crimes de violência física ou psicológica contra as mulheres. O objetivo é garantir a prisão de acusados no prazo de 24 horas em todo o Estado. A informação foi confirmada no início da manhã desta terça-feira (23) pela delegada Ana Luíza Nogueira, gerente da Região Metropolitana.

De acordo com o ela, o governo fez a solicitação à PC, para que as ações de combate à violência contra a mulher envolva todas as regiões de Alagoas com a força policial. No estado, entretanto, há apenas duas Delegacias da Mulher, em Maceió e Arapiraca, mas Nogueira assegura que todas as demais delegacias estão preparadas para a assistência às vítimas e para efetuarem prisões no prazo almejado de 24 horas.

“Buscamos evitar que casos de agressão, por exemplo, termine em feminicídio”, reforça Ana Luíza Nogueira. De acordo com ela, para isso é preciso que as mulheres vítimas de violência façam denúncias nas delegacias. Para a delegada, o sentimento de impunidade leva as vítimas a temerem fazer denúncia, mas para ela este receio precisa ser quebrado.

“Queremos evitar esse sentimento de impunidade. Montamos essa força tarefa para garantir a prisão de acusados em um tempo mais rápido”, acrescenta a delegada, que ainda faz apelo às mulheres vítimas de qualquer tipo de violência, para que procurem as delegacias de suas cidades e façam a denúncia, “antes que problema se torne mais sério”.

Da redação com  GAZETAWEB


Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*