Templates by BIGtheme NET

Caberá a Superintendência da Polícia Federal em Sergipe investigar a ação da Polícia Rodoviária Federal (PRF) que terminou na morte da adolescente Bianca da Cunha de 15 anos.

O fato aconteceu na tarde de sábado (5), na BR-235 em Carira (SE), depois que o condutor de um automóvel Volkswagen, Polo Sedan 1.6, Ronison dos Santos de 19 anos, que era companheiro da vítima, se recusou a atender uma ordem de parada da PRF e fugiu em alta velocidade. Além de não ser habilitado, Ronisson estava com medida protetiva de urgência decretada pela justiça, o que o impedia de se aproximar da Bianca e de seus familiares.

De acordo com nota divulgada pela Secretaria de Segurança Pública de Sergipe (SSP/SE), Ronison estava conduzindo o veículo de cor preta, com placas MVI-2245/AL, e desobedeceu a ordem de parada da PRF. Houve perseguição que terminou com disparos de arma de fogo em direção ao veículo. Bianca foi atingida por um tiro e levada ao Hospital de Carira, onde faleceu.

O caso foi registrado no plantão da Delegacia Regional de Itabaiana, onde Ronison foi autuado em flagrante por dirigir sem ter Carteira Nacional de Habilitação (CNH), com base no artigo 309 da Lei dos crimes de trânsito (CTB), e por descumprir medida protetiva de urgência, já que havia uma determinação judicial que o impedia de se aproximar da esposa Bianca (Art 24 A da Lei Maria da Penha).

A conduta dos policiais será investigada em processo administrativo pela Polícia Rodoviária Federal. Uma cópia do Auto de Prisão em Flagrante foi encaminhada à Superintendência da PF, em Sergipe, que deve abrir procedimento para apurar as circunstâncias da morte da adolescente.

Da Redação: Com Informações da Agência Jornal de Notícias (AJN¹)


Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*