Templates by BIGtheme NET

O ex-jogador Reinaldo Ratinho, com passagens por clubes como Vitória (BA), Sport (PE), Mamoré (MG), SV Waldhof Mannheim 07 (Alemanha), CSA e CRB (AL), foi preso nesta quarta (31) acusado de uso de documento público falso. Segundo a polícia alagoana, o ex-atleta utilizava documentos de outra pessoa para se passar por mais jovem, o conhecido ‘gato’ do futebol.

Nascido Álvaro César Casado Calheiros, Ratinho utilizou documento em nome de José Reinaldo Gomes durante toda a sua carreira profissional. A história tem contornos dramáticos, uma vez que o verdadeiro José Reinaldo Gomes sempre enfrentou problemas em sua vida pessoal, inclusive sem conseguir casar legalmente, abrir conta em banco, conseguir crédito ou tirar CNH.

De acordo com delegado Fábio Costa, Reinaldo Ratinho começou a usar a identidade falsa ainda na adolescência para ‘rejuvenescer’ em cinco anos. Mesmo adulto, quando foi procurado pelo verdadeiro José Reinaldo, Ratinho teria se recusado a desfazer o ‘erro’. A prisão ocorreu na tarde de ontem, em flagrante delito.

O verdadeiro José Reinaldo teria sido impedido de sacar o seguro-desemprego porque Reinaldo Ratinho consta como funcionário contratado de uma empresa. Segundo o delegado, embora legítimo, uma vez que foi emitido pelo Instituto de Identificação, o documento utilizado por Ratinho é ideologicamente falso.

Foram apreendidos o RG e CTPS de Álvaro César Casado Calheiros, onde consta o nome de José Reinaldo Gomes, foi dada voz de prisão em flagrante e Ratinho foi levado para a sede da Deic onde foram realizados os procedimentos legais, estando à disposição da justiça.

Da redação com AL24HS


Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*